Defensoria Pública e Cendhec realizam Roda de Diálogo sobre Regularização Fundiária

Conflitos fundiários em Recife, dicas de atuação nesses casos, encaminhamento de modelos de peças. Esses foram alguns dos temas tratados pelo Centro Dom Helder Camara de Estudos e Ação Social – Cendhec e a Defensoria Pública de Pernambuco. A Roda de Conversa tratou, ainda, da atuação dos casos envolvendo ocupações, usucapião, reintegração de posse. Representando a Defensoria o Defensor Público Fernando Debli do Núcleo de Habitação e Moradia e o Subdefensor de Causas Coletivas, Rafael Alcoforado. Do Cendhec, os Advogados Alexandre Pachêco (Advogado especializado em Direito Urbanístico), Vera Orange (coordenadora do Programa Direito à Cidade), Juliane Lima (colaboradora do Programa Direito à C

Jovens participam de Roda de Diálogo na UFPE

Jovens que atuam no curso de formação Juventude e Espaço Urbano: um olhar sobre a Cidade, promovido pelo Centro Dom Helder Camara de Estudos e Ação Social (Cendhec), facilitaram a Roda de Diálogo sobre o tema, na Segunda Semana de Ensino, Pesquisa, Extensão e Cultura, promovida pela Pró-Reitora de Extensão da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Protagonizaram a Roda de Diálogo, as/os jovens, Vitoria Lilian, Niase, Bruno e Elton, que trouxeram as discussões sobre participação, situação da juventude negra e moradora da periferia, preconceito e política urbana entre outros temas. O curso Juventude e Espaço Urbano: Um olhar sobre a Cidade é realizado em parceria com o Grupo de Estudos e P

Audiência Pública sobre a Revisão do Plano Diretor do Recife

A participação e envolvimento popular no processo de revisão do Plano Diretor do Recife encontram-se gravemente comprometidos. O processo foi bem atropelado e pouco participativo. Foram muitas as formas que a sociedade tentou contribuir para melhorar as dinâmicas de escutas e coletas de contribuições. A Prefeitura, no entanto, se mostrou pouco disposta a repensar seus métodos e acolher a vontade da população em fazer parte da revisão de uma lei tão importante, que define políticas importantes para os próximos 10 anos da cidade e de quem nela mora. Nesse contexto, é importante que a Câmara Municipal do Recife, Casa do Povo, contribua e promova um debate com a sociedade. O objetivo dessa Audiê

Nota de Pesar - Falecimento de Luís de La Mora

É com grande pesar que o Centro Dom Helder Camara de Estudos e Ação Social (Cendhec) recebeu a notícia do falecimento em 16/11/2018, e se despede do professor e militante pelo direito à cidade, Luís de La Mora, grande amigo e companheiro de luta contra as desigualdades nas cidades e pela inclusão social. De La Mora foi um guerreiro incansável e deixa um importante legado com a sua atuação no PREZEIS, que foi de extrema importância para a luta por uma cidade mais justa e igualitária, para os habitantes das comunidades menos favorecidas do Recife, bem como colocando seus conhecimentos à serviço das minorias. Foto: equipe do mandato do vereador de Recife Ivan Moraes Filho.

Lista de 30 propostas inegociáveis para Plano Diretor é apresentada pela sociedade civil

Na manhã desta quarta-feira (14), a Articulação Recife de Luta, espaço que conta com a participação do Cendhec, realizou o lançamento de suas 30 propostas inegociáveis para serem incluídas no Caderno de Propostas da revisão do Plano Diretor do Recife, que deverá ser apresentado para votação na Conferência, a ser realizada nos dias 03 e 04 de dezembro. A lista foi apresentada durante coletiva de imprensa e plenária aberta ao público, e contou com a participação das organizações que fazem parte da articulação, além de interessados no assunto. As propostas estão disponíveis para leitura nas redes sociais e no site da articulação e foram entregues formalmente à Prefeitura na última segunda (12).

Ação da Campanha pelos Bons Tratos em Paulista

O Cendhec realizou nesta sexta-feira (9 de novembro) ação na Escola Municipal Professora Alga Marina, em Arthur Lundgren 1, município de Paulista, para divulgar a Campanha pelos Bons Tratos de Crianças e Adolescentes. A ação, que mostrou a importância do conhecimento sobre a autoproteção contra os riscos de violência, foi realizada nos turnos da manhã e tarde, com turmas do ensino fundamental 1. No horário da manhã, participaram 120 crianças e a tarde, 140 crianças. Na oportunidade, o Cendhec promoveu atividades educativas, incluindo contação de estória e jogo de trilha sobre autoproteção à violência sexual. No final, as crianças receberam a revista em quadrinhos da Campanha pelos Bons Trato

Cendhec: 29 anos presente na defesa dos Direitos Humanos

O Centro Dom Helder Camara de Estudos e Ação Social – CENDHEC, nesta sexta 02 de novembro de 2018, comemora 29 anos de existência na Defesa dos Direitos Humanos de crianças e adolescentes, moradores e moradoras de assentamentos populares urbanos e no fortalecimento da sociedade civil e de comunidades quilombolas e indígenas. Neste ano, em especial, encontramo-nos num contexto de risco aos princípios democráticos e de ameaça aos Direitos Humanos. Diante desse cenário comemoramos nossos 29 anos reafirmando nossa resistência e compromisso na Defesa da vida, do Estado Democrático de Direitos e de nossas conquistas históricas. Confira vídeo em homenagem aos 29 anos do Cendhec: https://youtu.be/qM

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

© 1989-2017 por Cendhec. Criado por Alexandre Pachêco em conjunto com @s profissionais do Cendhec no Wix.com

Contatos:

+55 81 3227-7122 / 3227-4650 /

3227-7662 
Email: cendhec@cendhec.org.br 

Endereço: 

Rua Galvão Raposo, 295, Madalena, Recife, Pernambuco, Brasil

CEP.: 50610-330

Parceiros(as):

marcas conjuntas.jpg