PUBLICAÇÕES

Caro/a Visitante,

 

O Cendhec está digitalizando suas publicações para que tod@s tenham acesso. Na medida que esse trabalho for avançando você encontrará aqui esse material!

Boa Leitura.

Coordenação Executiva Cendhec

Caderno Cendhec 1.png

Conselhos Municipais de Direitos

A publicação representa uma reflexão da equipe de técnicos do Cendhec sobre a prática na assessoria que presta a diversos Conselhos Municipais de Direitos da Criança e Adolescente em Pernambuco. Traz discussões sobre a prática em torno do Conselho Municipal, instrumento tão importante quão desconhecido e que é vital para a implantação e vigência do Estatuto da Criança e do Adolescente. (Cadernos Cendhec, 1).

onde_está_kelly.png

Onde Está Kelly? O trabalho oculto de crianças e adolescentes exploradas nos serviços domésticos na cidade do Recife

Essa publicação é o resultado de uma pesquisa realizada com 200 crianças e adolescentes trabalhadores domésticos do Recife, com idade entre 10 e 17 anos. O objetivo foi traçar um perfil socioeconômico e cultural desse grupo, revelando inclusive os efeitos desta relação de trabalho sobre o seu desenvolvimento bio - psico-social. (Cadernos Cendhec, 11)

Elas_não_brincam_em_serviço.png

Elas não brincam em serviço: 12 histórias de trabalho doméstico de crianças e adolescentes
(Cartilha para jovens multiplicadoras)

Esta publicação surgiu da necessidade de se combater o trabalho doméstico precoce. Esta versão para jovens multiplicadores é resultado do Projeto Adolescentes Trabalhadoras Domésticas: multiplicando direitos e saberes, desenvolvido pelo Cendhec com adolescentes de 13 a 17 anos. Representa uma oportunidade de compartilhar conhecimentos, de forma a estimular a sociedade a refletir sobre a necessidade de que crianças vivam sua infância dignamente. 
(Cadernos Cendhec,  15).

Prezeis revista.png

Prezeis em Revista

A Prezeis em Revista busca apresentar a experiência da Instituição no direito à moradia da população de comunidades de baixa renda. A publicação mostra a história do Prezeis (Plano de Regularização das Zonas Especiais de Interesse Social), que possibilitou a regularização fundiária de assentamentos populares do Recife. É também um resgate do trabalho desenvolvido pela equipe do Programa Direito à Cidade ao longo dos anos. (Cadernos Cendhec, 18).

Sistema de garantias de direitos.png

Sistema de Garantia de Direitos: Um Caminho para Proteção Integral

Este livro é uma tentativa de oferecer um referencial teórico sólido, apoiado na reflexão coletiva e na prática do Cendhec, no campo da proteção jurídico-social apoiado nas atividades no campo da proteção jurídico-social, violência, promoção, controle social e formação de pessoal. O livro acompanha um Kit para ser utilizado em oficinas pedagógicas. (Cadernos Cendhec, 8).

Entra apulso.png

Entra Apulso: Um breve histórico.

Essa cartilha foi desenvolvida pela equipe do projeto Comunidade de Aprendizagem: autogestão dos Direitos Humanos e Qualidade de Vida, desenvolvido pelo Cendhec e mostra o histórico do processo de organização e resistência da comunidade Entra Apulso, no Recife. Trata-se de um resgate da identidade social da comunidade, a partir dos depoimentos de moradores artífices da sua história. 
(Cadernos Cendhec, 12).

Elas_não_brincam_em_serviço_educadoras

Elas não brincam em serviço: 12 histórias de trabalho doméstico de crianças e adolescentes
(Cartilha para educadoras)

Esta publicação também surgiu a partir da experiência do programa de Prevenção e Enfrentamento do Trabalho infanto-juvenil Doméstico no Recife, realizado pelo Cendhec. A cartilha foi elaborada para apoiar educadores da rede pública de ensino, bem como de outras instituições educativas, com o intuito de servir de instrumento para que eles possam assumir esta causa. A cartilha nasce como fruto de histórias vividas por crianças e adolescentes, ex-trabalhadoras ou trabalhadoras domésticas que ilustram a realidade a ser modificada. É uma oportunidade para os educadores estimularem nos educandos uma reflexão sobre a necessidade de permitir que crianças vivam suas infâncias dignamente. (Cadernos Cendhec, 16)

Terra pra que te quero.png

Terra pra que te quero? A regularização fundiária segundo a lei do Prezeis

Esta publicação trata da regularização fundiária das Zonas Especiais de Interesse Social - ZEIS. O seu conteúdo está estruturado de forma a permitir uma visão global desse processo de regularização, apresentando o contexto histórico que envolve a questão, relacionando os elementos políticos, econômicos e sociais determinantes no surgimento dos assentamentos espontâneos, e os desdobramentos que permitiram a promulgação da Lei do Prezeis, bem como os desafios para a sua efetivação nos dias atuais. (Cadernos Cendhec, 10).  

Família_Esperta.png

A Família esperta: como conhecer os sinais de violência sexual em crianças e adolescentes

Esta cartilha tem como objetivo esclarecer principalmente as famílias com relação à problemática da violência sexual contra crianças e adolescentes, para a prevenção, possibilitando a denúncia através de esclarecimentos sobre o que é a violência sexual - como ela ocorre, quem é o agente agressor e quem está sofrendo a agressão. A publicação pretende levar também informações a todos os interessados nessa temática, contribuindo assim para a prevenção de novos casos e identificação de crianças e adolescentes que neste momento podem estar vivenciando uma situação de violência sexual. (Cadernos Cendhec, 13).

CAPA FINAL.jpg

Usucapião Coletivo: Organização popular pelo direito à moradia

O objetivo da publicação dessa cartilha foi disponibilizar aos moradores e moradoras das Zonas Especiais de Interesse Social-ZEIS, um material que possa, didaticamente, tratar de um tema complexo e desafiador, a partir da história de uma comunidade fictícia (de nome Terra Azul): a regularização fundiária e um dos seus principais instrumentos - o Usucapião Coletivo.
(Cadernos Cendhec,  17).

© 1989-2017 por Cendhec. Criado por Alexandre Pachêco em conjunto com @s profissionais do Cendhec no Wix.com

Contatos:

+55 81 3227-7122 / 3227-4650 /

3227-7662 
Email: cendhec@cendhec.org.br 

Endereço: 

Rua Galvão Raposo, 295, Madalena, Recife, Pernambuco, Brasil

CEP.: 50610-330

Parceiros(as):

marcas conjuntas.jpg