• Cendhec

ANCED lança nota de indignação e repúdio. Mãe perde guarda da filha por motivo de racismo e intolerâ


O Centro Dom Helder Camara de Estudos e ação Social (Cendhec) expressa seu apoio à nota de indignação e repúdio da Associação Nacional dos Centros de Defesa (ANCED).

Em 23 de julho policiais militares e membros do Conselho Tutelar se dirigiram a um terreiro de Candomblé em Araçatuba no interior de São Paulo e vitimaram uma mãe e sua filha adolescente de crime de intolerância religiosa, racismo e preconceito. A adolescente não passava por maus tratos e informou que estava em um ritual religioso mas nem polícia nem o Conselho Tutelar ouviram os argumentos. A justiça acatou a denúncia e retirou a guarda da mãe.

Para ler a nota na íntegra, clique aqui.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square