• Cendhec

Cendhec lança nova campanha para proteger crianças e adolescentes de abusos durante a pandemia



Apenas no início da crise sanitária, em março, o número de abuso sexual contra crianças e adolescentes no Brasil aumentou 85% em relação a 2019. No ano passado, 11.232 registros foram computados pelo governo federal. Neste ano, o total subiu para 20.771. Em abril, foram efetuadas 19.663 denúncias desta violência contra meninos e meninas, o que representa aumento de 47% em relação ao mesmo período do ano passado (13.404). Por mais que as notificações tenham diminuído, não há o que comemorar, uma vez que a queda dos números aponta para o aumento da subnotificação.


De acordo com o levantamento da Ouvidoria Nacional dos Direitos Humanos, pelo menos 73% dos casos de abuso contra crianças e adolescentes acontece dentro de suas casas e 40% dos agressores são seus próprios pais ou padrastos. Com a suspensão das aulas presenciais e longe de suas amigas e amigos, as crianças ficam cada vez mais afastadas de sua rede de proteção e acabam isoladas com os violentadores, fatores que dificultam as queixas.


Sabendo desta realidade difícil, o Centro Dom Helder Camara de Estudos e Ação Social inicia neste dois de novembro, dia de seu aniversário de 31 anos, a campanha Escute as Crianças e os Adolescentes, elas e eles falam a verdade. “Sabemos que com necessárias medidas de isolamento social por conta da pandemia do novo coronavírus, e com o confinamento domiciliar, crianças e adolescentes estão sob risco ainda maior de sofrer violência física, sexual e psicológica. Desta forma, o Cendhec pensou em realizar uma campanha para deixar em alertas pais, mães, responsáveis, e toda sociedade para essa situação de vulnerabilidade”, afirma Vera Orange, coordenadora geral do Cendhec.


Durante todo o mês, serão realizadas ações em 7 comunidades nas quais o Cendhec tem atuação, são elas: Pina, Várzea, Nova descoberta, Mustardinha, Mangueira, Torrões e Cardoso. A intenção é informar 3.850 crianças, 3.600 adolescentes e 210 famílias destas áreas. “A campanha será intensificada com panfletos, cartazes, carro de som e outros meios de comunicação para expor a situação e alertar as comunidades para a necessidade de protegermos crianças e adolescentes”, complementa Vera. As redes sociais do Cendhec (@Cendhec) também servirão de plataforma para discussão. Serão levantados, em posts e lives, tópicos importantes sobre a pauta.


A campanha Escute as Crianças e os Adolescentes é uma ação emergencial financiada pela associação alemã Kindernothilfe (KNH), fundada ainda em 1959 por um grupo de cristãos em Duisburg, para promover proteção de crianças carentes na Índia, e que hoje é considerada uma das maiores organizações cristãs da Europa em ajuda infantil. Porém, sua ajuda é fundamental para que a informação chegue a mais pessoas e possa ajudar meninos e meninas de todas as áreas. Por isso, compartilhe nossas publicações em suas redes sociais e una-se a causa.






Sobre o Cendhec


Há exatamente 31 anos o Cendhec atua pelos direitos das crianças e dos adolescentes, além do direito à cidade. Na vanguarda dos Direitos Humanos, nascemos inspirados pelos ensinamentos de Dom Helder Camara, que dedicou a sua vida a defesa dos injustiçados e a luta política, tendo denunciado ao mundo as torturas e desrespeitos aos Direitos Humanos durante regimes totalitários


Caso você deseje contribuir financeiramente com os nossos projetos, anote a nossa Conta bancária:


Banco 237 – Bradesco S.A.

Agência: 1230-0

Conta Corrente: 39630-3

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

© 1989-2017 por Cendhec. Criado por Alexandre Pachêco em conjunto com @s profissionais do Cendhec no Wix.com

Contatos:

+55 81 3227-7122 / 3227-4650 /

3227-7662 
Email: cendhec@cendhec.org.br 

Endereço: 

Rua Galvão Raposo, 295, Madalena, Recife, Pernambuco, Brasil

CEP.: 50610-330

Parceiros(as):

marcas conjuntas.jpg